>

AMOR NATURAL CULINÁRIA

Este é o lugarzinho do AMOR NATURAL CULINÁRIA, TREINAMENTOS E SERVIÇOS. Aqui vou postar receitas, dicas de culinária nacional e internacional,enologia, etiqueta, economia doméstica e tudo de importante para os amantes da gastronomia, além de literatura, notícias importantes,fotos e desenhos e tudo que possa interessar aos amigos que me visitam ! Sejam bem-vindos !!

"Click here and translate this page to English language"

terça-feira, agosto 28, 2007

CRIANÇA FELIZ NÃO APANHA !!!!

Amor Natural

Amor Natural

Amor Natural

Queridos amigos

Visite o site PALMADA JÁ ERA! e nos ajude a combater esta violência, na maioria das vezes no próprio lar, contra criaturas indefesas, sem poder de atitudes próprias!!

Amor Natural

Amor Natural

APENAS UMA CRIANÇA...
Uma criança,
Deitada,
Quieta e curvada,
Escondendo-se
Na posição fetal,
Soluçando...
E os soluços,
Como agulhas,
Que ferem,
Espicaçam o pensamento:
Onde estavam as mãos
Fortes,
Que deviam me proteger?
Guardar meu corpo,
Dar carinho e afeto
E aquecer meu coração?
As minhas...
Tão fracas e pequenas,
Agora feridas, machucadas,
Não puderam me defender!...
De quem era a mão
Forte!
Que tapava minha boca,
Impedia o meu grito
E matava a inocência
No meu coração!
Por que você papai?...
Meu pai...
(Pedro Paulo da Gama Bentes)


"O rugido das feras, apenas mantém a floresta em sobressalto e desassossego.
Quem a acorda sempre para um novo dia é o cantar dos pássaros.
Portanto, façamos versos!."

Amor Natural


Amor Natural

Amor Natural

Marcadores: , ,

AddThis Social Bookmark Button

1 Comments:

  • At 7:09 AM, Anonymous rosamaria said…

    adorei o seu blog. virei mais vezes ver as receitas deliciosas q tem.

    quanto a este post, nao estou de acordo. talvez pense "à moda antiga" mas acho q uma palmada dada no momento exacto pode fazer muito pela boa educaçao de um futuro adulto. levei algumas, tambem as dei quando achei q a minha filha mereceu, e acho q nem eu nem ela fomos menos amadas por isso. muitas vezes larguei o serviço de casa para me sentar no chao a brincar com a minha filha, assim como meu pai chegava cansado da feira e sentava os filhos nos joelhos e perguntava como foi o nosso dia, e contava anedotas, adivinhas e historias, coisas q se calhar os "apologistas" de "só palavras" nao fazem e para os filhos estarem sossegadinhos poe-nos em frente a tv ou computador ou deixam-nos à vontade a fazer o q bem entendem.
    bem, mas isto é so o meu ponto de vista...
    xi-coraçao.
    rosamaria

     

Postar um comentário

<< Home